252- Sete Noivas para Sete Irmãos

252- Sete Noivas para Sete Irmãos

sete noivas para sete irmaosEsse filme é um clássico da Sessão da Tarde e decidi fazer a resenha.

Os filmes antigos eram mais bonitos e pareciam ter mais conteúdo. Esse explora um tema cotidiano, o casamento, de maneira divertida e pura. O filme é de 1954.

Também fala de um assunto que me toca que é o relacionamento entre irmãos. E é um musical, o que muito me agrada, claro.

 

Em tempos difíceis, de velocidade 4G e modernidade, vale a pena resgatar os melhores sentimentos de ingenuidade e romance, numa época que tudo era vivido de forma devagar, porém duradoura. Não havia a efemeridade dos relacionamentos e eles não eram tão descartáveis como eles são hoje em dia.

Sinopse: Adam (Howard Kell) é um rapaz simples, primogênito de uma família que vive no interior. Ele faz uma viagem à cidade para comprar mantimentos e acaba arranjando uma esposa, a garçonete Milly (Jane Powell). Incentivados pelo casório, os outros seis irmãos de Adam decidem viajar para a cidade em busca de pretendentes. Inspirado pelo mito do Rapto das Sabinas pelos romanos, Adam motiva seus irmãos a sequestrar as moças com quem quem querem se casar.

 

 

Post dedicado a alguém especial que adora esse filme.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s