Mostra Super 16 no CCSP exibe filmes clássicos em 16 mm

Mostra Super 16 no CCSP exibe filmes clássicos em 16 mm

O Centro Cultural São Paulo iniciou nesta semana a mostra Super 16, que exibirá filmes clássicos filmados em 16 mm e terá ingressos a um real.

Confira a programação:

Sexta-feira (1º/4)
Às 17h
‘O silêncio’ (Tystnaden, Suécia, 1963, 96min, 16mm, drama, 16 anos)
Direção: Ingmar Bergman
Elenco: Birger Malmsten, Gunnel Lindblom e Håkan Jahnberg
Sinopse: Duas irmãs, Esther e Anna, e o filho de uma delas, viajam para a Suécia. Porém, no meio da jornada, são obrigadas a parar num país estrangeiro, onde se hospedam num hotel quase deserto. Neste local, elas se defrontam com o vazio existencial de suas vidas.

Às 19h15
‘Punhos de campeão’ (The set-up, EUA, 1949, 72min, 16mm, drama, 13 anos)
Direção: Robert Wise
Elenco: Robert Ryan, George Tobias e Audrey Totter
Sinopse: O lutador de boxe Bill Stoker está chegando ao fim de sua carreira, pois sua esposa o pressiona para que se aposente. Uma grande luta está chegando e Stoker acredita que, se vencer, sua carreira mudará de rumo. Porém, seu agente vendeu a luta para um mafioso.dia

Sábado (2)
Às 15h
‘Um tiro na noite’
(Blow out, EUA, 1981, 107min, 16mm)
Direção: Brian de Palma
Elenco: John Travolta, Nancy Allen, John Lithgow
Sinopse: Jack Terry (John Travolta) é um sonoplasta que trabalha no momento em um filme B de uma companhia da Filadélfia. Ao tentar à noite conseguir novos sons, grava por acaso um estouro de pneu. Acontece que este acidente provocou a morte do governador George McRyan. Ouvindo a fita depois com atenção, Jack se convence de que o verdadeiro motivo que provocou o acidente no carro não foi simplesmente um pneu estourado, mas sim uma bala que provocou esse estouro. Suspense obra-prima do legendário diretor americano Brian de Palma.

Domingo (3)
Às 14h40
‘Sonhos de mulheres’
(Kvinnodrom, Suécia, 1955, 83min, 16mm, drama, 14 anos)
Direção: Ingmar Bergman
Elenco: Gunnar Bjornstrand, Harriet Andersson e Eva Dahlbeck
Sinopse: Acompanhe os tormentos, os sonhos e as relações amorosas de duas mulheres: Susanne, diretora de um estúdio de moda em Estocolmo, e Doris, uma jovem e inexperiente modelo fotográfica. Uma viagem para outra cidade irá alterar para sempre suas vidas.

Às 20h
‘Kramer vs. Kramer’
(EUA, 1978, 105min, 16mm, drama, 13 anos)
Direção: Robert Benton
Elenco: Dustin Hoffman, Meryl Streep e Jane Alexander
Sinopse: Ted Kramer é um profissional para quem o trabalho vem antes da família. Joanna, sua mulher, não pode mais suportar essa situação e sai de casa, deixando Billy, o filho do casal. Quando Ted consegue finalmente ajustar seu trabalho às novas responsabilidades, Joanna reaparece exigindo a guarda da criança. Ted não aceita e os dois vão para o tribunal lutar pela custódia do garoto.
Terça-feira (5)
Às 15h
‘No tempo das diligências’
(Stagecoach, EUA, 1939, 97 min, 16mm, drama, livre)
Direção: John Ford
Elenco: John Wayne, Claire Trevor e Thomas Mitchell
Sinopse: Um grupo de nove pessoas é obrigado a embarcar em uma perigosa jornada em cima de carruagens através do Arizona, em um território indígena. Cada um tem um motivo para realizar tal viagem. No meio do caminho eles terão que enfrentar Geronimo e seus guerreiros apaches, e contarão apenas com a ajuda do cowboy Ringo Kid.

Às 17h
‘A noviça rebelde’ (The sound of music, EUA, 1965, 174min, 16mm, musical, livre)
Direção:
Robert Wise
Elenco: Julie Andrews, Christopher Plummer, Richard Haydn
Sinopse: No final da década de 1930, na Áustria, quando o pesadelo nazista estava prestes a se instaurar no país, uma noviça que vive em um convento, mas não consegue seguir as rígidas normas de conduta religiosa, vai trabalhar como governanta na casa do capitão Von Trapp, que tem sete filhos. Ele é viúvo e os educa como se fizessem parte de um regimento. Sua chegada modifica drasticamente o padrão da família, trazendo alegria novamente ao lar. Ela conquista o carinho e o respeito das crianças, mas termina se apaixonando pelo capitão, que está comprometido com uma rica baronesa.

Às 20h15
‘Os amantes crucificados’
(Chikamatsu monogatari, Japão, 1954, 102min, 16mm, drama, livre)
Direção: Kenji Mizoguchi
Elenco: Kazuo Hasegawa, Kyôko Kagawa e Eitarô Shindô
Sinopse: Kyoto, final do século 17. Ishun, um senhor abastado e com direito ao uso de espada, é casado com a jovem Osan, frustrada e insatisfeita. Mohei, empregado de Ishun, utiliza indevidamente a assinatura do patrão a pedido de Osan, mas acaba descoberto e é preso. Tem início um amor impossível, em que Osan escolhe o amor com risco de vida e assume as implicações.
Quarta-feira (6)
Às 15h
‘Oharu – A vida de uma cortesã’
(Saikaku Ichidai Onna, Japão, 1952, 148min, 16mm, drama, livre)
Direção: Kenji Mizoguchi
Elenco: Kinuyo Tanaka, Toshiro Mifune e Toshiaki Konoe
Sinopse: Baseado em um romance de Saikaku Ihara, o filme conta a história da vida de Oharu, uma mulher que na juventude fazia parte da corte do imperador e que, em virtude de um relacionamento, acaba se tornando cortesã.

Às 18h
‘Pai e filha’
(Banshun, Japão, 1949, 108min, 16mm, drama, livre)
Direção: Yasujiro Ozu
Elenco: Setsuko Hara, Chishu Ryu e Sugimara Haruko
Sinopse: Noriko é uma jovem que dedica sua vida a cuidar de seu pai, o viúvo Somiya. Mas Somiya e sua irmã fazem Noriko achar que ele vai se casar novamente, e assim ela aceita conhecer um pretendente a marido. Apesar de gostar de seu pretendente, ela se ressente por seu pai estar casando novamente.

Às 20h15
‘Fim de verão’
(Kohayagawa-ke No Aki, Japão, 1961, 103min, 16mm, drama, livre)
Direção: Yasujiro Ozu
Elenco: Chieko Naniwa, Ganjiro Nakamura e Hisaya Morishige
Sinopse: Retrato das mudanças sofridas pelo Japão após a Segunda Guerra Mundial. A época é retratada a partir da família Kohayagawa, proprietária de uma próspera fábrica de sakê. O chefe do clã tem uma amante e uma filha já adulta e passa agora por problemas de saúde. A filha mais nova tem um casamento arranjado e, ao mesmo tempo, ajuda a cunhada viúva a encontrar um novo marido.
Mostra ‘Super 16’
Quando: de 26 de março a 6 de abril
Onde: Centro Cultural São Paulo (Rua Vergueiro, 1000), na sala Lima Barreto (99 lugares)
Quanto: R$ 1 (sem meia-entrada); bilheteria aberta apenas no dia do evento e no horário de funcionamento do CCSP (terça a sábado, das 13h às 21h30; domingos, das 13, às 20h30); não há vendas pela internet.

Por Lívia Lima

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s