Poltrona Alternativa #7: Ele está de volta (Er Ist Wieder da) – O Filme

Poltrona Alternativa #7: Ele está de volta (Er Ist Wieder da) – O Filme

 

download (2)Berlim, 2011. Adolf Hitler acorda num terreno baldio. Sente uma grande dor de cabeça. O uniforme cheira a querosene. Olha à sua volta e não encontra Eva Braun. Nem uma cidade em ruínas, nem bombardeiros a riscar os céus. Em vez disso, descobre ruas limpas e organizadas, povoadas de turcos, milhares de turcos. E gente com aparelhos estranhos colados ao ouvido. Começa assim o surpreendente primeiro romance de Timur Vermes, passado na Alemanha de Angela Merkel, 66 anos depois do fim da guerra. Hitler ganha nova vida. Na sociedade espetáculo, dos reality shows e do YouTube, o renascido Führer é visto como uma estrela, que uma televisão sequiosa de novidades acolhe de braços abertos. A Alemanha da crise, do Euro ameaçado, da austeridade, vê nele um palhaço inofensivo. Mas ele é real, assustadoramente real.

Esta é a base para a produção do filme que leva o mesmo nome do livro causando muita polêmica em 2015. Imagine-se  passeando em um momento turístico pelas ruas da Alemanha, e do nada você vê download (1)Adolf Hitler andando por aí livre, leve e solto?

As filmagens, em sua maioria foram baseadas no conceito de câmera escondida, para que fosse muito natural a reação das pessoas neste pseudo-documentário.  Algumas pessoas tiveram a oportunidade e a  – surpresa – de “estarem ao lado” de Hitler. Pediram selfies, abraços, abriram sorrisos e o trataram muito bem ( reação que chocou o ator Oliver Masucci, que interpretou o líder nazista nesta comédia.

Dirigido por David Wnendt , o longa  traz estas interações bem naturais, onde as pessoas se mostraram mais simpáticas com o ditador que chocou o mundo com suas atrocidades.

download Sei que o alívio cômico para certos temas pode até ajudar na compreensão, mas aliviar a barra de Hitler ? !!  O filme tem frases muito impactantes, onde nosso personagem reflete sua indignação frente aos problemas atuais do povo alemão comparando-os a década de 30 ou 40. Não sei até que ponto isso parece justo mas… Não há reflexões sobre os ocorridos do holocausto. O que vi foram opiniões de alemães sobre seu incômodo com os estrangeiros em suas terras, como os turcos e africanos. Me incomodou muito um trecho específico onde há um diálogo com um popular citando o Q.I alemão e como este mesmo Q.I ficou abaixo do esperado no processo de miscigenação.

downloadO filme me agradou muito mas não posso deixar de refletir o quanto a mentalidade das pessoas não mudou ao longo dos anos pós guerra. Sei que todo o conteúdo da produção não reflete o pensamento do povo alemão em sua totalidade, mas poderiam ter dado bons “puxões de orelha” nessa figura história refletida, mesmo sendo um filme humorístico.

Fazer o que não é?

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s