Poltrona Cabine: O Vendedor de Sonhos/ Cesar Augusto Mota

Poltrona Cabine: O Vendedor de Sonhos/ Cesar Augusto Mota

650x375_vendedor_1674994Sabe quando você entra em desespero, acha que está tudo perdido e não vê mais solução para seus problemas? Pois bem, Júlio Cesar (Dan Stulbach), psicólogo renomado, está prestes a pular do 21º andar de um prédio e cometer suicídio, mas um homem misterioso, conhecido como Mestre (Cesar Troncoso), consegue resgatá-lo com sua coragem e sábias palavras e propõe a ele a chance de uma nova trajetória de vida.

Baseado no livro homônimo de Augusto Cury, “O Vendedor de Sonhos” brinda o espectador com a fantástica história de uma amizade sólida construída entre Júlio Cesar e Mestre, que juntos vagam pela cidade de São Paulo com a missão de ajudar outras pessoas por meio de ensinamentos que tragam conforto, confiança e esperança de dias melhores, tendo em vista os mais diversos dilemas que assolam nossa sociedade.

O Mestre se apresenta a Júlio Cesar como uma pessoa que vende algo que o dinheiro não pode comprar, a chance de recomeçar. É verdade que já nos lamentamos por erros ou atos praticados no passado, mas temos a chance de ter um novo começo e reescrever nossa história. Além disso, o perdão faz mais bem a quem perdoa do que ao perdoado, e merece destaque a cena em que Mestre impede a prisão do garoto Dimas por ter roubado a bolsa de uma senhora idosa, e frisa que todos erram e merecem uma segunda chance.

Num misto de emoção e mistério, “O Vendedor de Sonhos” trará uma experiência extraordinária a quem for fã de histórias que valorizam as relações humanas e transmitem valores como o amor, o perdão, o caráter e, principalmente, a superação. O diretor Jayme Monjardim faz um excelente trabalho, e o filme traz um roteiro coeso, história com bom ritmo e uma montagem precisa, com os passados dos dois protagonistas sendo revelados na medida certa.

E quanto às atuações? Dan Stulbach consegue convencer como Júlio Cesar, principalmente nas cenas que exigiram mais emoção, e seu personagem ganha contornos mais dramáticos e com carga decisiva para a trama do meio para o fim. Já César Troncoso está admirável como Mestre, sua atuação é tão magistral que fará o espectador ficar mais ansioso e curioso pelos próximos ensinamentos do misterioso morador de rua nos lugares em que for passar. Há uma agradável surpresa no desfecho da história, que fará os espectadores valorizarem o ser humano e ter uma autoestima ainda mais elevada.

Ficou curioso? “O Vendedor de Sonhos” chega ao circuito nacional em 08 de dezembro, com distribuição da Warner Bros. e Fox Filmes.

Anúncios

Um comentário sobre “Poltrona Cabine: O Vendedor de Sonhos/ Cesar Augusto Mota

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s