Paris Filmes leva quatro filmes para o Festival do Rio

Paris Filmes leva quatro filmes para o Festival do Rio

Festival do Rio chega a sua 19ª edição e reúne quatro filmes com distribuição nacional Paris Filmes. Com sessões abertas ao público a partir desta sexta-feira, 6 de outubro, a programação reúne títulos de diferentes gêneros e nacionalidades.

Protagonizado por Jake Gyllenhaal, o drama “O Que Te Faz Mais Forte” (Stronger) abre o calendário da distribuidora no Festival. Com três exibições abertas ao público, as sessões acontecem no feriado de 12 de outubro, no Kinoplex São Luiz 2 | Largo do Machado. O filme adapta a história autobiográfica escrita por Jeff Bauman, que se tornou um best-seller. Nas telonas, Gyllenhaall dá vida a Jeff, que foi atingido por uma das bombas na Maratona de Boston (2013) e perdeu suas duas pernas, enquanto esperava a namorada Erin Hurley (Tatiana Maslany) na linha de chegada da corrida. No Brasil, o longa tem estreia prevista para fevereiro de 2018.

 

Com direção de Roman Polanski, “Baseado em Fatos Reais”(Based on a True Story) integrou a 70ª edição do Festival de Cannes, fora da mostra competitiva, e têm três sessões no Festival do Rio, que serão realizadas nos dias 7 de outubro, no CCLSR – Cine Odeon NET Claro | Centro, 12 de outubro, no Roxy 1 | Copacabana, e 13 de outubro, no Estação NET Ipanema 2 | Ipanema. Com uma narrativa inspirada na produção literária de Delphine de Vigan, o thriller é protagonizado pelas atrizes Emmanuelle Seigner e Eva Green. Com estreia nos cinemas agendada para 2018, a trama aborda a história de uma romancista que passa por uma crise após a publicação de seu último livro.

 

A partir do dia 9 de outubro, “Bom Comportamento” (Good Time), estrelado por Robert Pattinson, ganha sessões no Festival. No dia 9, o filme entra em cartaz no CCLSR – Cine Odeon NET Claro | Centro. No dia 12, ganha exibição no Kinoplex São Luiz 2 | Largo do Machado, e, no dia 15, no Reserva Cultural Niterói 2 | Sao Domingos. Na produção, Pattinson vive Constantine Nikas, um bandido sem escrúpulos, que vivencia uma odisseia no submundo da cidade em que vive, para conseguir tirar seu irmão da prisão. Dirigido por Benny e Josh Safdie (de “Só Deus Sabe”), o longa é coestrelado por Bennie Safdie, que vive o irmão de Constantine Nikas na produção. O elenco  ainda reúne a vencedora do Oscar, Jennifer Jason Leigh. A estreia nacional está agendada para 19 de outubro de 2017.

Para encerrar a programação da Paris Filmes no Festival, o longa sul-coreano de ação “A Vilã” (The Villainess), dos mesmos produtores de “Invasão Zumbi” (Train to Busan) terá exibições no dia 11 de outubro, no Estação NET Rio 4 | Botafogo, dia 13, no Roxy 1 | Copacabana, e 15, no Kinoplex São Luiz 2 | Largo do Machado. Protagonizada pela atriz Ok-bin Kim, a produção apresenta o amadurecimento de uma jovem que foi treinada para se tornar uma assassina sanguinária.  No país, a estreia está prevista para 23 de novembro de 2017.

Para mais informações sobre o Festival do Rio, acesse: http://www.festivaldorio.com.br.

Anúncios
Poltrona Vintage: Quem tem medo de Virginia Woolf, 1966

Poltrona Vintage: Quem tem medo de Virginia Woolf, 1966

QUEM TEM MEDO DE VIRGINIA WOOLF?

4DC37E7D-DBDF-4DE4-8408-5C86F68E760E

Sempre podemos esperar alguma coisa de uma madrugada, ainda mais se for na casa do curioso casal Martha e George. Depois de voltar tarde da noite de uma das festas do pai de Martha, os dois convidam o casal de jovens, Nick e Honey, para tomar alguns drinks e conversar um pouco.

O que seria simplesmente um fim de noite agradável e tranquilo, transforma-se em uma tempestade de provocações, raiva, desprezo e mudanças chocantes de comportamento de ambos os casais. O que seria deles todos depois daquela noite?

O filme conta com diálogos maravilhosos que, em diversos momentos, podem passar despercebidos aos olhos do telespectador. É importante que seja assistido com atenção, para que haja uma boa absorção da obra em si.

Todos os atores atuam de forma monstruosa e impecável, com destaque para a brilhante Elizabeth Taylor, sempre chocando o público com seu talento e coragem em construir personagens surpreendentes. “Quem tem medo de Virginia Woolf?” é realmente uma história envolvente e cheia de reviravoltas e surpresas, um retrato de um estilo de vida.

Por Tom Machado

Top 5 Filmes sobre o Cinema Adulto

Top 5 Filmes sobre o Cinema Adulto

Salve galera.

 

Hoje o Top 5 é proibido para menores. Vamos falar sobre filmes que desvendam os bastidores da indústria do cinema adulto.

 

img_2003

A maioria dos filmes é baseada em histórias reais e todos valem a pena ver.

 

5 – Crimes em Wonderland (Wonderland / 2003 / dir. James Cox)

wonderland-movie-poster-2003-1020233084

Estrelado Val Kilmer, Kate Bosworth, Lisa Kudrow, Josh Lucas, Eric Bogosian, Janeane Garofalo e Christina Applegate, o filme conta a história real do quádruplo homicídio que aconteceu em 1981 em Los Angeles.

O foco da história é o ator pornô John Holmes (Kilmer), talvez o maior nome do cinema adulto de todos os tempos, que devido a seu vício em drogas e dividida com traficantes, acaba sendo convencido pelo traficante Ron Kaunius (Lucas) a assaltar a casa de Eddie Nash (Bogosian), um rico magnata da noite de Los Angeles.

Após o assalto, Nash descobre quem são os envolvidos e obriga a Holmes a ajuda-lo a matar os traficantes.

O crime ficou sem solução até 1990, quando Sharon Holmes (Kudrow) ex-esposa de Holmes, conta para policia que ele foi até sua casa após o crime e confessou tudo.

John Holmes é uma lenda do cinema adulto, tendo atuado em mais de 3000 filmes durante sua carreira. No inicio da década de 80 quase perdeu tudo, devido a seu vicio com drogas. Ele morreu em 1988 devido a complicações relacionadas à AIDS.

 

4 – King Cobra (2016 / dir. Justin Kelly)

KINGCOBRA_1SHEET_websmall

O filme foca a briga entre duas produtoras online de filmes gays, que acaba levando a morte do dono de uma delas. O elenco conta James Franco, Christian Slater, Molly Ringwald, Garrett Clayton, Keegan Allen e Alicia Silverstone.

A história é real: Stephen (Slater) descobre o jovem e promissor ator Brent Corrigan (Clayton) e o torna a estrela de sua produtora, a Cobra Videos. Mas Joe Kerekes (Franco) e seu namorado Harlon Cuadra (Allen) tentam roubar Corrigan para sua produtora, a Viper Boys. E com as negativas de Stephen em liberar o ator, eles decidem que a única maneira de conseguir o contrato da jovem estrela é assassinando o dono da concorrência.

 

3 – Lovelace (2013 / dir. Rob Spstein)

lovelace-5303464b060b4

Cinebiografia da mais famosa estrela do cinema pornô americano, Linda Lovelace, que estrelou na década de 70 o mundialmente famoso Garganta Profunda.

Estrelado por Amanda Seyfried, Peter Sarsgaard, Sharon Stone, Robert Patrick, Juno Temple, Adam Brody, Eric Roberts, James Franco e Hank Azaria, o filme é dividido em duas partes: a primeira contando a adolescência de Linda (Seyfried) e sua relação com os pais (Stone e Patrick) até o sucesso mundial com o filme Garganta Profunda.

E a segunda mostra como sua vida com o marido Chuck Traynor (Sarsgaard), mostrando Linda como uma mulher sexualmente liberada e feliz, mas escondendo uma vida de abusos e violência por parte do marido.

 

2 – O Povo contra Larry Flint (The People vs. Larry Flint / 1996 / dir. Milos Forman)

the-people-vs-larry-flynt

Com um elenco de peso, liderados por Woody Harrelson, Edward Norton e Courtney Love, este filme conta a história de Larry Flint, criador da revista Hustler, considerada uma versão mais popular da Playboy, na década de 70 no EUA.

Flint enfrenta diversos processos de ativistas anti-pornografia e um atentado contra a sua vida, o que o deixa paraplégico.

 

1 – Boogie Nights – Prazer Sem Limites (Boogie Nights / 1997 / dir. Paul Thomas Anderson)

boogie-nights-1997-movie-poster

Focado na explosão e na queda do cinema pornô na década de 70, Boogie Nights mostra os bastidores de uma época que respirava o amor livre, regado a muitas drogas e sexo.

Com Mark Wahlberg, Burt Reynolds, Julianne Moore, Don Cheadle, John C. Reilly, William H. Macy, Heather Graham, Luis Guzmán, Philip Seymour Hoffman, Thomas Jane e Alfred Molina, o filme conta a história de Eddie Adams (Wahlberg), um jovem lavador de pratos que acaba sendo descoberto pelo diretor de filmes pornôs Jack Horner (Reynolds).

E com o nome de Dirk Diggler, ele faz sucesso no mundo pornô, ao lado da atriz veterana Amber Waver (Moore) e do ator Little Bill (Macy).

 

@guimaraesedu

‘Thor: Ragnarok’ ganha vídeo com cenas eletrizantes. Assista!

‘Thor: Ragnarok’ ganha vídeo com cenas eletrizantes. Assista!

A menos de um mês de sua estreia nos cinemas, ‘Thor – Ragnarok’ ganhou mais um vídeo especial com muitas cenas de ação. Confira abaixo.

 

 

O mundo de Thor está prestes a ir pelos ares em “Thor – Ragnarok”. Loki, seu irmão desajeitado, assumiu Asgard, a poderosa Hela emergiu para roubar o trono para si e Thor é preso no outro lado do Universo. Para escapar do cativeiro e salvar sua morada da destruição iminente, Thor deve primeiro ganhar uma batalha mortal contra seu ex-aliado e antigo Vingador… O Incrível Hulk.

“Thor: Ragnarok” estreia nos cinemas brasileiros em 26 de outubro de 2017.

Por: Cesar Augusto Mota

IT: A COISA TEM BILHETERIA MONSTRUOSA E QUEBRA RECORDES EM SEU FIM DE SEMANA DE ESTREIA

IT: A COISA TEM BILHETERIA MONSTRUOSA E QUEBRA RECORDES EM SEU FIM DE SEMANA DE ESTREIA

Com direção de Andrés Muschietti, o longa é baseado no best-seller homônimo de Stephen King e está em cartaz nos cinemas brasileiros

It-A-Coisa-It

Por Luis Fernando Salles

It: A Coisa, o thriller de terror baseado no livro homônimo de Stephen King, estreou na liderança nos cinemas do Brasil, superando R$ 18 milhões em bilheteria em seu final de semana de estreia, considerando sessões de pré-estreias pagas. Com um público total de 1.180.000 pessoas, o longa dirigido por Andy Muschietti quebrou o recorde de maior abertura de um filme do gênero terror de todos os tempos no país, superando Invocação do Mal 2, também distribuído pela Warner Bros. Pictures.

Além disso, o filme entrou para o Top 10 de bilheteria nacional em 2017 do dia de estreia, sendo o maior resultado de bilheteria do dia de estreia da Warner Bros. Pictures em 2017 e a 4ª bilheteria do dia de estreia da distribuidora no país – atrás apenas de Batman vs. Superman, Harry Potter e As Relíquias da Morte – Parte 2 e Esquadrão Suicida.

Nos EUA, o filme também estreou na liderança, com bilheteria de US$ 123,1 milhões, totalizando US$ 189,4 milhões em todo o mundo. Segundo Sue Kroll, presidente de Marketing e Distribuição Internacional da Warner Bros. Pictures, “as projeções para It: A Coisa estavam muito altas desde o primeiro trailer e mesmo assim o filme superou todas as expectativas. It: A Coisa não é apenas uma iniciativa tremendamente bem-sucedida do universo do terror da New Line mas seu apelo transcende o gênero. Todos os envolvidos, incluindo o diretor Andy Muschietti, seu elenco e os produtores, fizeram um trabalho notável trazendo a aclamada obra-prima de Stephen King para os cinemas. Quero felicitá-los, bem como todos os nossos colegas da New Line, neste fantástico começo. Eu também quero parabenizar a inspiradora campanha de marketing, liderada pela Blair Rich, e nosso esforços de distribuição em todo mundo, liderados por Jeff Goldstein, Veronika Kwan Vandenberg e Tom Molter, e todos seus times. Nós esperamos que as ótimas críticas e boca-a-boca tragam ao filme uma longa carreira nos cinemas.”

Sobre o filme

It: A Coisa, o novo thriller de terror do diretor Andrés Muschietti (“Mama”) e produzido pela New Line Cinema, é baseado no best-seller homônimo de Stephen King, uma das obras mais populares do autor, que tem aterrorizado leitores há várias décadas.

Quando crianças começam a desaparecer misteriosamente na pequena cidade de Derry, no estado de Maine, um grupo de jovens é obrigado a enfrentar seus maiores medos ao desafiar um palhaço maligno chamado Pennywise, que há séculos deixa um rastro de morte e violência.

No elenco de It: A Coisa estão Bill Skarsgård (“A Série Divergente: Convergente”, série “Hemlock Grove”) como o principal vilão da história, Pennywise. No conjunto de talentosos jovens atores do longa estão Jaeden Lieberher (“Destino Especial”), Jeremy Ray Taylor (“Alvin e os Esquilos: Na Estrada”), Sophia Lillis (“37”), Finn Wolfhard (série “Stranger Things”), Wyatt Oleff (“Guardiões da Galáxia”), Chosen Jacobs (“Cops and Robbers”), Jack Dylan Grazer (“Tales of Halloween”) e Nicholas Hamilton (“Capitão Fantástico”).

Andrés Muschietti dirige It: A Coisa a partir do roteiro adaptado por Chase Palmer & Cary Fukunaga e Gary Dauberman. Dan Lin, Roy Lee, Seth Grahame-Smith, David Katzenberg e Barbara Muschietti são os produtores, e Marty P. Ewing, Doug Davison e Jon Silk assinam a produção executiva.

A competente equipe de criação por trás das câmeras inclui o diretor de fotografia Chung-Hoon Chung (“Eu, Você e a Garota que Vai Morrer”), o desenhista de produção Claude Paré (“Planeta dos Macacos: A Origem”), o editor Jason Ballantine (“O Grande Gatsby”) e a figurinista Janie Bryant (série “Mad Men”).

Uma produção da New Line Cinema, It: A Coisa está em cartaz nos cinemas brasileiros, com distribuição da Warner Bros. Pictures, empresa da Warner Entertainment Company.

‘Divórcio’, com Camila Morgado e Murilo Benício, lança segundo trailer

‘Divórcio’, com Camila Morgado e Murilo Benício, lança segundo trailer

O longa Divórcio, comédia romântica com direção de Pedro Amorim (Mato sem cachorro), lança seu segundo trailer oficial.

Confira:

O primeiro trailer divulgado atingiu a marca de 5.7 milhões de visualizações. A cantora Paula Fernandes regravou a música “Evidências”, de Chitãozinho & Xororó, para o filme. Produzido por LG Tubaldini Jr e André Skaf, o longa é protagonizado por Camila Morgado e Murilo Benício, em seu primeiro protagonista numa comédia. O filme é uma produção Filmland Internacional e será distribuído pela Warner Bros. Pictures, que também é coprodutora do longa. A estreia está marcada para 21 de setembro.

Com roteiro de Paulo Cursino, a trama acompanha a história de Noeli (Camila Morgado), que é roubada do altar por Júlio (Murilo Benício). O casal leva uma vida humilde, mas enriquece quando o molho de tomate Juno, criado por eles, torna-se um sucesso.  Com o passar dos anos, os dois abrem uma grande empresa e enriquecem, mas o dinheiro e a rotina os distancia. E um mal entendido é a gota d’água para a separação. Para defender o patrimônio, cada um tenta achar o melhor advogado para si, o que gera um processo de divórcio cheio de confusões e com cenas hilárias.

O elenco conta também com Thelmo Fernandes, Luciana Paes, André Mattos, Ângela Dippe, Cynthia Falabella, Bruna Tornarelli, Gustavo Vaz, Robson Nunes, Antônio Petrin, Lu Grimaldi, Jonathan Well, Carol Severian, Flávia Martins e as participações especiais de Sabrina Sato e Paulinho Serra. As filmagens foram realizadas em Ribeirão Preto, tanto em locações na parte urbana da cidade, como em uma plantação de tomates. O longa contou também com moradores de Ribeirão na equipe, no elenco e figuração.

 

Poltrona Vintage: Woody Allen/Anna Barros

Poltrona Vintage: Woody Allen/Anna Barros

Woody Allen é meu cineasta favorito. Não consigo esconder isso de ninguém.  Vamos fazer um Top 5 de seus filmes vintage.

5- Noivo Neurótico, noiva nervosa

Esse filme é um clássico. O filme ganhou o Oscar de 1977 de Melhor Filme e desbancou a saga cult Guerra nas Estrelas, de George Lucas. A comédia mostra o relacionamento de Alvy e Annie. Aliás o título em inglês é Annie Hall. A escolha do título em português não foi lá muito feliz. Um humorista judeu e divorciado que faz análise há quinze anos, se apaixona por Annie Hall, uma cantora em início de carreira com uma cabeça um pouco complicada. Em pouco tempo eles decidem morar juntos, mas as crises conjugais começam a aparecer e afetar os sentimentos de ambos. O gênio McLuhan faz uma participação pra lá de especial. Esse filme é imperdível, um clássico woodyaleniano.

 

4- Manhattan

Um filme em preto e branco, mais cult impossível. E mostra uma cidade que a mim encanta muito: Nova  York. Com belas recordações e uma fotografia fascinante. E uma trilha de Robert Gershiwn!  Também nos faz refletir sobre o que realmente vale a pena na vida.

 

3- Hannah e suas irmãs

Adoro dramas familiares e amo histórias de irmãos. De irmãs então, melhor ainda! Filme delicioso em que Dianne West se sobressai e leva o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. Allen se inspirou em As Três Irmãs, de Tchekkov, um de meus atores russos favoritos. Um de meus filmes favoritos!

 

2- A Era do rádio

Sou apaixonada por rádio e Allen contou também a sua paixão através dessa belezura de filme. Saudade do tempo em que trabalhei nesse maravilhoso veículo. A produção é marcada por várias histórias que são vivenciadas no decorrer do período áureo do rádio nos Estados Unidos — entre 1930 e 1940.

 

1- A Rosa Púrpura do Cairo

Como sou extremamente romântica, não poderia deixar de mencionar esse filme em que uma dona de casa acaba se apaixonando por um galã, personagem de seu filme favorito que ela sempre vê no cinema. Uma homenagem delicada e sensível da sétima arte que sempre nos faz amá-la mais e mais. Uma verdadeira aula de metalinguagem. Um dos melhores momentos é quando o personagem Tom Baxter (Jeff Daniels) sai do filme e entra na vida real e começa a perceber as diferenças e semelhanças que separam o mundo fictício e a realidade.